Direkt zum Inhalt

2014 100 Atividades Infantis

 

Para Ser Feliz – 100 Atividades Infantis
 
Waldilia Cordeiro
Ana Beatriz Vale
Maria Jose de Moura
 
 
Iniciamos na manha de 22/07/2014, na Reggio Emilia/Italia, o atelier longo ''Para Ser Feliz – 100 Atividades Infantis – Os Beneficios das Atividades Ludicas ao Desenvolvimento dos Meninos e das Meninas''.
Encontramos a sala numero 07 da escola Galileu Galilei organizada pelas orientadoras Waldilia Cordeiro, Maria Jose de Moura e Ana Beatriz do Vale, companheiras do Movimento Regional de Escola Moderna do Norte e Nordeste do Brasil, filiado à FIMEM. O espaço estava repleto de material, indicativo de que muitas atividades seriam realizadas de modo vivencial, durante o periodo do referido atelier.
Recebemos na chegada uma ventarola com a logomarca do atelier na parte da frente e, no verso, o quadro a ser preenchido conforme o planejamento cooperativo a ser realizado no inicio de cada manha. Recebemos, tambem, uma camiseta do atelier e uma garrafinha para agua, favorecendo as vivencias no patio, suprindo a necessidade de hidrataçao.
No inicio, foi realizada a apresentacao das orientadoras e dos trinta companheiros inscritos no atelier, que informaram o seu pais de origem – França, Italia, Alemanha, Brasil, Georgia, Romania, Finlandia, Suecia, Japao e Cote d'Ivoire. Apos a apresentacao cada participante recebeu 100 cartelas com informaçoes das atividades a serem vivenciadas, um quadro-resumo com essas atividades numeradas e ilustradas e, ainda, um texto-sintese contendo o titulo, as habilidades a serem estimuladas quando a atividade for desenvolvida, os espaços possiveis de realizaçao, o material necessario, a faixa etaria das crianças que podem praticar a referida atividade, bem como o numero de participantes.
Seis atividades – do numero 47 ao 52 – foram propostas para analise e uma – a dança das cadeiras – foi selecionada para ser vivenciada pelos participantes. Todos praticaram a dança das cadeiras – atividade numero 47 – e comentaram os seus beneficios ao desenvolvimento dos meninos e das meninas. A pratica possibilitou aos participantes muita alegria, companheirismo e conhecimento. Em seguida, as atividades propostas foram analisadas em grupo, praticadas conforme o interesse. As orientadoras circulavam pelos grupos esclarecendo duvidas, levantando questoes fundamentais.
O sorriso permaneceu na face de todos!
Atividades foram realizadas dentro da sala e no patio, lembrando brincadeiras da infancia e possibilitando a coordenaçao motora, a mobilidade, a agilidade, a lateralidade, a linguagem e a socializaçao.
No final de cada manha, era realizada a avaliaçao do trabalho desenvolvido no dia, de forma cooperativa, de tal forma que todas as açoes estavam pautadas nos principios e tecnicas da Pedagogia Freinet.